> Shadowgrounds: jogo de ação ou terror? - Rei dos Games!

sexta-feira, 1 de março de 2019

Shadowgrounds: jogo de ação ou terror?


Comprei Shadowgrounds com a mesma expectativa que tive com outro jogo da empresa, o Trine 2. (Graças a uma mania pessoal de comprar games de uma mesma empresa: Se o jogo me agrada, outros da mesma produtora terão o mesmo efeito e por isso Shadowgrounds veio.) Minha análise será a mais verdadeira possível, mas não vou falar sobre o multiplayer (porque não tive como jogar por falta de joystick).

Quando adquiri o tal jogo, primeiro baixei a demo na steam para ver do que se tratava. A julgar pela demonstração, fui convocado a comprá-lo imediatamente pois apresentava uma proposta que eu amo em videogames: situações onde você está cercado de demônios e tem que ter sangue frio para sobreviver (como em Doom, por exemplo). Na demonstração, tive poucas armas e vários momentos de tensão que mostravam que o jogo era de terror.


Nunca tinha jogado algo parecido, onde temos a tela vista por cima enquanto matamos hordas de monstros. O sistema de vida é um pouco estranho, e já que você o entende - caí por terra o estilo terror, pois se morrer, outro você vai surgir num checkpoint da fase para continuar de onde parou. (O que é bem útil contra chefes, onde o seu outro eu não precisará matar tudo outra vez pois o Boss terá a mesma quantidade de vida que você deixou).


Duas coisas me desagradaram neste jogo: a primeira, é a falta de um sistema de saves. Ou seja, ou você passa a fase toda (que as vezes pode demorar mais de meia hora) ou refaz tudo novamente. As fases só salvam após serem vencidas e isso atrapalha e muito quando você chega num estágio mais avançado, pois terá uma fase ou duas que você vai morrer bastante para supera-la; A segunda coisa que fiquei chateado foi o próprio sistema de vidas. Porque o cara está lá para sobreviver, aí morre e outro dele aparece em outro local? Se fosse como Doom e tivesse algum lugar para salvar para continuar outro dia, ficaria muito melhor.


Quando busquei saber mais sobre o jogo, vi que ele é focado em multiplayer e acredito que jogar com amigos (baseado na campanha solo) é bastante divertido. Com Trine foi uma experiência única, mas diferente deste jogo, não há uma maneira de jogar coop online - o que o convoca para comprar um joystick analógico se quiser mais pessoas jogando com você. Assim como em Trine 2, você colhe experiência para destravar habilidades, no caso, seriam habilidades para as armas. Em minha campanha destravei todas, menos a da arma de raio (a última do jogo e que não vi utilidade nenhuma). Algumas eu demorei para entender, mas todas são bem equilibradas.


Na steam o jogo é bem baratinho e até vale o seu preço. Você tem a opção de construir seus próprios mapas (através de uma ferramenta, mas que é tão complicado que não consegui fazer nada e nem encontrei tutorial na internet!). Possui alguns mods (que não são em oficina steam). O tempo de campanha single player durou para mim umas dez horas, então se quer conhecer este jogo - tenha isso em mente. (Eu comprei mesmo sabendo da curta campanha, mas não vou mentir se dizer que não me diverti). Mas entendo que poderia ser bem melhor, principalmente se não tivesse contador de vidas (algo que você só sabe quando morre).

Compre agora pela steam:

https://store.steampowered.com/app/2500/Shadowgrounds/

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Sobre Nós

Rei dos Games


Rei dos Games é um site destinado a falar tudo sobre videogames (jogos antigos), RPGs de mesa e board games. Além disso, trazemos tutoriais, dicas, cheats de quem realmente experimentou essas mídias, trazendo também boas recomendações.


Rei dos Games é o único blog dedicado a três tipos de jogos diferentes (eletrônicos, de tabuleiro e RPGs). Se você quer conhecer bons jogos para brincar, este é o lugar certo.


Postamos recentemente

recentposts

Aleatório

randomposts