> O ótimo (e difícil) Wolfenstein: The Old Blood - Rei dos Games!

segunda-feira, 13 de setembro de 2021

O ótimo (e difícil) Wolfenstein: The Old Blood

Referências, Referências....

Acabei de terminar Wolfenstein: The Old Blood e gostaria de fazer uma breve análise do que joguei por pelo menos quase 15 horas.

Antes de tudo, sou super fã dos jogos da Id Software. A franquia Wolfenstein foi basicamente o pai de todos os FPS (jogos de tiro em primeira pessoa) que existem no mundo dos games. Aqui no blog já tinha resenhado o clássico Wolfenstein 3D (onde tudo começou), a sua expansão Spear of Destiny e a versão do game de 2001, intitulada Return of Castle Wolfenstein.

Wolfenstein: The Old Blood foi a primeira versão "mais recente" do game que tive em minhas mãos. Foi um jogo lançado em 2015 para diversas plataformas (a versão que eu tenho é da Steam). Sua história passa em 1946 e, como nas versões anteriores, você controla o épico B.J. Blazkowicz. Até por estar fora de muito tempo da franquia Wolfenstein, jogar The Old Blood pareceu para mim como remake do clássico Wolfenstein 3D: você acaba entrando no castelo nazista, acaba preso e consegue escapar e, a partir daí, você precisa matar os nazistas. Embora o conceito original seja dessa maneira, aqui B.J precisa recuperar um arquivo secreto, passando por muitos apuros.

Wolfenstein: The Old Blood vem depois de Wolfenstein: The New Order, que vou jogar em breve (ainda não joguei quando escrevo isto). O sistema de jogo é bem suave, com ação frenética. O jogo é um pouco difícil, onde tem horas que quase desisti de jogar e xinguei muito Jhon Carmack (hahah). Você pode matar os nazistas enquanto os mesmos estão distraídos, mas quando eles encontram o corpo, eles chamam o alarme (de forma semelhante ao Return of Castle Wolfenstein) - a diferença aqui é que você precisa enfrentar todos eles, e não perde o jogo como na versão de 2001.

Terá partes especiais que tu volta a jogar o Wolf3D com a engine atual...

O arsenal de armas é gigantesco, e muitas delas você pode optar por usar uma arma em cada mão ou apenas uma arma. Além disso, você pode matar os inimigos com cano ou com faca (armas marciais) ou as armas do jogo. Pelo que eu vi, a engine do jogo é a mesma de Doom 2016, recentemente resenhada aqui no blog pelo meu irmão. O jogo também conta com passagens secretas, onde você pode colecionar alguns itens (como Ouro) e também existe um modo especial que você joga as versões antigas do Wolfenstein 3D, como se fosse um sonho nostálgico. Os gráficos do jogo são lindo demais, e ele conseguiu rodar sem problemas no meu PC. Alguns inimigos clássicos do jogo estão aqui, como os cachorros (aqui eles usam armaduras) e também os nazistas zumbis (aqui eles são vítimas de algum ritual de bruxaria).Existem outros novos, como armaduras gigantes, drones (igual do Quake 2) cachorro robôs, etc.

Aquela referência básica ao Doom, filho do Wolfenstein

Também gostei bastante da história, embora o jogo seja bastante envolvido no atirar-matar. Tem uma hora que você dá até uma de garçom! Outras horas você precisa agir rápido e sua melhor opção será fugir do que querer matar todos os inimigos. Teve uma hora no jogo que preferi avançar na fase correndo do que querer matar todos os inimigos.

Para finalizar: esse jogo é DIFÍCIL. Apenas pros gamers raiz!

No fim do jogo, você pode acessar uma opção onde vê todo o seu progresso (quantas vezes morreu, quantos inimigos matou, etc) e até um ranking global de seu desempenho. Também abre uma nova Dificuldade e um novo novo de atirar nos inimigos.

Se eu recomendo o jogo?!

CLARO QUE SIM! Só aviso que o mesmo é bem difícil (morri mais de 130 vezes se não estou enganado) mas com paciência e vontade tu chega lá. Fora isso, o jogo é sensacional.

Wolfenstein: The Old Blood está na Steam por R$49,90

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Sobre Nós

Rei dos Games


Rei dos Games é um site destinado a falar tudo sobre videogames (jogos antigos), RPGs de mesa e board games. Além disso, trazemos tutoriais, dicas, cheats de quem realmente experimentou essas mídias, trazendo também boas recomendações.


Rei dos Games é o único blog dedicado a três tipos de jogos diferentes (eletrônicos, de tabuleiro e RPGs). Se você quer conhecer bons jogos para brincar, este é o lugar certo.


Postamos recentemente

recentposts

Aleatório

randomposts